Conecte-se!



 
InícioPortalRegistrar-seLogin
Login
Nome de usuário:
Senha:
Conexão automática: 
:: Esqueci minha senha
Tópicos similares
Últimos assuntos
» Quem Você Gostaria Que Fosse Seu Mestre?
Seg 27 Jun 2016, 12:28 pm por ~Katara

» Uma Vingança Repolhuda
Seg 21 Mar 2016, 11:01 pm por G

» RIP ALC
Sex 23 Jan 2015, 9:45 am por Kronus

» Geografia - Conheça os lugares mais fomosos e sua localização no mapa
Dom 17 Ago 2014, 9:00 pm por Bumizinho

» Templo de Ar do Sul
Ter 13 Ago 2013, 6:03 pm por Atilion

» Voltando
Dom 11 Ago 2013, 2:19 pm por Kronus

» Volteeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeei *----------------------------*
Qui 30 Maio 2013, 5:06 pm por pantar

» Descubrindo meu poder
Sex 15 Mar 2013, 5:16 pm por Klein

» Como saber quem são os proximos avatares
Ter 08 Jan 2013, 4:21 pm por Mako

Link-Nos!
Avatar A Lenda Continua
Clique No Botão Para Saber Como!
Parceiros
Fórum grátis




Japanese World




Top dos mais postadores
Cami WaterBender
 
xMoonBender~
 
Kronus
 
Patrick
 
Ammy
 
Link TrigGer
 
Rafael
 
Vtoni
 
Liah
 
Morgana
 

Compartilhe | 
 

 A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1 ... 5, 6, 7 ... 13 ... 21  Seguinte
AutorMensagem
Ana Flavia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 762
Idade : 20
Karma Karma : 6
Moedas de Ouro 278
Data de inscrição : 05/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Ar
Nação Atual: Nômades do Ar
Arma: Bastão

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Sex 14 Ago 2009, 5:46 pm

isso é verdade
*esperando o amanhã*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
G
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Capricórnio Rato
Número de Mensagens : 731
Idade : 19
Karma Karma : 7
Moedas de Ouro 16278
Data de inscrição : 27/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Chefe da Tribo da Água do Norte
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Sab 15 Ago 2009, 9:38 pm

Povos e povas, desculpe demorar para postar o capítulo, mas minha net não tava deixando. ¬¬'



---

Capítulo 12:Quando a verdade vem à tona.

Aang e Katara estavam chegando em casa quando viram
Iroh, caído no chão, com a respiração acelerada. Os dois correram em direção ao
ex-general e Aang o segurou.


-IROH! IROH!-Aang balançava levemente o corpo de
idoso.-Katara, vai buscar ajuda! Rápido!


Katara entrou na casa correndo e chamou o resto dos
amigos. Eles ajudaram a carregar Iroh para um hospital alí próximo. Ele entrou
na emergência e o grupo ficou esperando. Depois de alguns minutos, Seck
aparece.


-Eu vim correndo assim que soube!-Ele aparentava
estar assustado.

-Aonde você estava?-Perguntou Toph.
-Dando uma volta pela cidade. O que aconteceu com
ele?

-Encontramos ele no chão, ofegante e com a mão no
peito. Eu acho que foi um enfarte.-Aang
respondeu meio crespo, sem olhar para a cara de Seck.


Seck se sentou. Logo um médico apareceu e foi logo
cercado. Veio então a constatação: foi enfarte. Ele teria de ficar no hospital
por um tempo, porque talvez tivesse que ser operado. O que preocupava muito, pois as chances de uma cirugía cardíaca
darem certo era mínimas.


Tinham que avisar Zuko mais rápido o possível. E isso
com certeza atrasaria a viagem.


-Isso ainda vai nos atrasar ainda mais. E imaginem o
desespero do Zuko quando souber.-Disse Sokka.

-Seja como for, os médicos já disseram que ele vai demorar para sair daqui. Não é melhor
irmos para casa descançar?-Questionou Seck.


Mas o grupo preferiu fazer uma escala no hospital, em
duplas, para ninguém ficar sozinho. Toph e Sokka ficavam de noite e Aang e
Katara ficavam de dia. Seck perguntou se ele poderia fazer alguma coisa, mas
Aang disse que ele fazia o que bem entendesse. Depois dessa Seck saiu sem falar
nada.


-Você está sendo ignorante com ele.-Reclamou Katara.
-Não sei porque, mas quando eu estou perto dele, me
sinto inseguro e fraco. De qualquer modo, eu vou para casa então! Hoje o dia
foi complicado!-Disse Aang.

-Eu vou com você! Boa noite para vocês dois!- Katara
e Aang se despediram e sairam do hospital, deixando Sokka e Toph na sala de
espera.


Os dois passaram alguns minutos sem pronunciar
nenhuma palavra. Até que Toph decidiu quebrar o gelo.


-Então Sokka... Você tem tido notícias da Suki?-Ela
não tinha nada de melhor para perguntar.

-Não muita. A última vez que ouvi falar dela estava
dando aulas de luta em alguns vilarejos isolados, como as Ilhas Kioshi. Depois
nunca mais. Também nem me interessa mais...

-Ah, sim... quer um café?
-Tá, pode ser! Pra ficar acordado aqui a noite toda
só com cafeína mesmo!-Brincou ele.


Ela preparou o copo de café que tinha na sala e ia
trazendo. Mas estava tão preocupada em não derrubar o café que esqueceu de
prestar a tenção no que tinha entre ela e Sokka e tropeçou em alguma coisa.


Ela quase caiu no chão, mas Sokka teve o reflexo de
segurá-la. Só o café que não deu para salvar.


Ela estava lá, nos braços dele, com o rosto
incrívelmente perto do dele.


-Está tudo bem?-Perguntou ele, sorrindo.
-Tá, eu acho...-Ela estava um pouco sem jeito.
-Você precisa tomar mais cuidado! Não vai ter um
cavalheiro forte como eu para te segurar!-Ele brincou.

-Quem sabe eu dou essa sorte!-Um sorriso malicioso
surgiu nos lábios da dobradora de terra.

-É... quem sabe. É melhor a gente se sentar!-Ele
corou.

-Você precisa me soltar primeiro!

Só aí que ele se lembou que ainda segurava ela. Ele a
largou e eles sentaram denovo. Deixaram o café pra lá.


Durante a noite conversaram sobre os mais diversos
assuntos, desde lembranças da guerra até curiosidades do dia-a-dia. Apesar de toda a preocupação, foi uma noite divertida para os dois.


Quando o Sol passou da línha imaginária das
montanhas, e Toph e Sokka quase dormia sentados, Aang e Katara finalmente
apareceram para tomar o lugar dos dois “zumbis”.


-Finalmente Dedos-Frouxos! Eu tava vendo a hora de
dormir aqui nessa cadeira.-Disse Toph depois de bocejar.

-Amanheceu agora a pouco! O combinado era a noite. A
manhã acabou de começar!-Defendeu-se Aang.

-Tá, que seja. Agora eu vou pra casa me entregar nos
braços de Morfeu! Boa noi... quer dizer, dia pra vocês dois!-Disse Sokka se
retirando.

-Dedos-Frouxos, Rainha do Açúcar, já que o Sokka
“puxou o bonde”, vou nessa! Tchauzinho pros dois!-Toph também saiu.


Ficaram então Aang e Katara no hospital. Nem sombra
dos médicos passou por eles durante um bom tempo.


Aang precisava contar sobre sua teoria para alguém.
Ninguém melhor que Katara para ouví-lo.


-Katara, eu preciso te contar uma coisa! Eu tenho
quase certeza de que nosso inimigo está aqui, em Ba-Sing-Se!

-Aang, você fez o “rastreamento” dos jovens de
Ba-Sin...

-Eu sei! Mas creio que nenhum deles fosse nosso
inimigo. Eu tenho uma teoria, mas não tenho certeza! Eu acho que é o...


Ele é cortado por Seck, que entra. Aang se sente
fraco perto dele, e leva sua mão à cabeça. Katara percebe e entende logo qual a
desconfiança de Aang. Mas desfarçou.


-O que você quer Seck?-Ela perguntou.
-Vim atrás de notícias. Algo de novo sobre Iroh?
-Não, nada. Pode ir embora, quando tivermos notícia,
te avisamos!

-Tudo bem! Você está bem Aang?-Perguntou Seck sínicamente.
-Estou ótimo! Pode ir agora!

Seck se retirou, mas percebeu que eles desconfiavam
dele. Estava claro. Desde que chegaram em Ba-Sing-Se, Aang o tratava
ignorantemente. No início ele achava que era por ciúmes, mas começa a perceber
que não é apenas isso. Sem falar que toda vez que ele entra no lugar que Aang
está, o Avatar põe a mão na cabeça. Estava na hora de agir, antes que acordasse
em uma prisão.

---
-É ele não é?
-Eu não tenho certeza ainda Katara! Não vamos tomar
medidas precipitadas!

-Como não vamos tomar medidas precipitadas, Aang?
Vamos esperar que ele fique mais forte! De alguma forma ele já te enfraquece!
Não temos tempo para isso!

-Eu sei! E tem mais... ele tá envolvido com o infarto
de Iroh!

-Aang, ninguém causa infartos para outras pessoas...
-Você já viu ele dobrando alguma coisa forte?
-Bem, pra falar a verdade...não!-Katara estava
confusa.

-Algo me leva a crer que não é dobra forte o poder
dele! Foi ele que escreveu no seu diário!

-Como você sabe?
-Desde que ele apareceu aconteceram umas coisas
estranhas. E sem falar que ele foi o último a ver o... AI NÃO!

-O que foi Aang!-Katara se assustou.
-O Hirosh! Ele matou o Hirosh! Eu tenho que acabar
com esse cara agora!-Ele saiu correndo, pela porta do hospital. Estava disposto
a lutar contra Seck.


Ele foi correndo pelas ruas, tentando adivinhar aonde
Seck havia ido. Katara ia atrás, tentando impedí-lo de lutar sozinho. Não
conseguiu alcançá-lo, mas estava perto. Nada o impediria.


Quando eles estavam perto da casa que viviam, Seck
estava entrando. Aang dobrou água do ar e prendeu ele no chão. Depois com terra
trouxe ele para perto, e prendeu seu braços no alto, chegando a levantá-lo.


-VOCÊ É A REENCARAÇÃO DO IMPERADOR! E VOCÊ SABE
DISSO! POR QUE NÃO NOS CONTOU?-Aang estava enraivecido.

-Pra que me entregar, se eu posso reinar? Me solte
daqui!

-Você causou o infarto de Iroh, e matou Hirosh!
-Eu não matei ele! Ainda não! Só o deixei em um cantinho
pensando um pouco. Se o todo poderoso Avatar me soltar eu levo vocês lá!

-Melhor me dizer aonde! Não tenho pressa para te
soltar!


Seck não falou mais nada. Apena fechou os olhos e a
dobra de terra cedeu, sem que Aang comandasse. Katara usou a água de um lago
que tinha alí perto em tentou congelá-lo, mas a água simplesmente parou perto
do rosto de Seck.


Seck juntou as mãos e seus olhos uma luz negra saiu
de sua mão. Depois disso, nemAang, nem Katara viram mais nada.


Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://supernaturaldestinys.forumeiros.com
Ana Flavia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 762
Idade : 20
Karma Karma : 6
Moedas de Ouro 278
Data de inscrição : 05/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Ar
Nação Atual: Nômades do Ar
Arma: Bastão

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Sab 15 Ago 2009, 9:45 pm

PRIMEIRA A COMENTA!!

Citação :
Ela estava lá, nos braços dele, com o rosto
incrívelmente perto do dele.
OMG eu quase tenho um ataque nessa cena eu já li umas milivezes mas eu continuo tendo atakes
a Giulia fiko esperando o cap o dia inteiro
tah xegando cada vez mais perto de onde vc paro no MA
CONTINUA!!


Última edição por ana15flavia em Sab 15 Ago 2009, 9:53 pm, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cami WaterBender
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Câncer Tigre
Número de Mensagens : 5979
Idade : 18
Karma Karma : 31
Moedas de Ouro 41192
Data de inscrição : 18/04/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Água
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Sab 15 Ago 2009, 9:47 pm

OMG!
agora me lembrei do café!
de tudo!
*-*

é incrivelmente incrivel! *-*

continua e chega no MA!!!!!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.pokemons2.forumeiros.com
Giulia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 662
Idade : 20
Karma Karma : 3
Moedas de Ouro 205
Data de inscrição : 30/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão:
Nação Atual:
Arma:

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Sab 15 Ago 2009, 10:45 pm

eu lembrava de tudo desse cap
principalmente do 'santo' café!
maravilhoso cap!
ah eu keria ser a primeira a posta!
e é verdade eu fikei esperando o dia enteiro pelo cap!
ja ta chegando no MA ehh!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cami WaterBender
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Câncer Tigre
Número de Mensagens : 5979
Idade : 18
Karma Karma : 31
Moedas de Ouro 41192
Data de inscrição : 18/04/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Água
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Dom 16 Ago 2009, 12:11 pm

eu também queria, mas num fui!
T_________T

ta chegando, ta chegando!

MA, MA, ta chegando quase lá!
MA, MA, ta chegando quase lá!
MA, MA, ta chegando quase lá!
MA, MA, ta chegando quase lá!
MA, MA, ta chegando quase lá!

yep!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.pokemons2.forumeiros.com
G
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Capricórnio Rato
Número de Mensagens : 731
Idade : 19
Karma Karma : 7
Moedas de Ouro 16278
Data de inscrição : 27/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Chefe da Tribo da Água do Norte
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Dom 16 Ago 2009, 3:23 pm

Isso dá uma musica cami. huashusa
Eu também adoro essa cena. Eu estava "recém Tokka", aí já viu.
Como eu sou uma pessoa boa com vocês e ansiosa, eu vou postar o caítulo novo de uma vez.

---


Capítulo 13: História de infância.

Ele corria, corria muito. Com ajuda de dobra de ar,
ele voava baixo. No meio de uma floresta escura e fechada. Não via nada. Até
que enfim chegou a uma caverna, igualmente escura. Entrou na caverna
cautelosamente. Andou tateando as pedras frias e úmidas, até chegar ao fim. O
lugar era muito frio, então nada melhor do que acender uma lareira. Antes não
tivesse acendido. Ao redor de si, corpos de dezenas de pessoas, todos mortos.
Inclusive pessoas que ele tinha apreço e amava.


Ele saiu correndo, mas uma pessoa o parou, prendendo-o.
Suas vestimentas eram negras, e seus olhos vermelhos como fogo. Aos poucos o
rosto da pessoa foi ficando nítido, até poder ser reconhecido. Era Seck
matando-o. Sua última visão foi sua cabeça prestes a ser cortada.


---
-KATARA! SOKKA! TOPH!- Aang gritava e se rebatia na
cama.

-Aang, acorda.-Katara balançava levemente o corpo do
rapaz para que ele acordasse.


Ele acordou ofegante e com o corpo suado. Katara
estava sentada na cama, os seu lado.


-Aang, está tudo bem?-Perguntava Katara em um tom confortante.
-Pra falar a verdade, não.-Ele havia se acalmado, mas
a respiração continuava forte.- Eu tive um pesadelo horrível!

-Quer falar sobre isso?-Disse ela pondo uma toalha
com água na cabeça de Aang.

-Está frio aqui!-Ele reclamou tentando esquecer aquilo.
-Você está com febre! Bem alta por sinal.
-O que aconteceu?-Ele não se lembrava muito bem.
-Não sei. Uma hora estávamos lutando, e quando eu
acordei estava deitada na cama, do seu lado. Toph disse que quando nos achou
estávamos caídos no chão, e nem sinal de Seck.

-Ele não dobra! Ele é muito mais poderoso que
isso!Por isso derrotou Iroh. Por isso nos derrotou. Nós temos que...-Ele tentou se levantar, mas ficou tonto e deitou-se denovo.

-Vai com calma aí! Você ainda está fraco. Seja lá o
que ele fez com você, te deixou doente.

-Katara, não posso me dar esse luxo! Ele está ficando
mais forte!

-E você acha que vai vencer alguém nesse estado?
Vamos esperar mais um pouco. Eu não vou deixar você lutar nesse estado.

-Mas Katara...
-Não adiante discutir! E você não vai conseguir
passar por mim nesse estado. Agora, me conte o que aconteceu no pesadelo.


Ele contou tudo que houve nos mínimos detalhes.

-E o que aconteceu com Iroh?-Perguntou ele.
-Já saiu do hospital e está no quarto ao lado. Ele
nos contou o que Seck fez com ele. Quando um dos dois puder se levantar, vocês
conversam.


Toph, Sokka e Zuko, que tinha vindo visitar o avô,
bateram na porta e entraram para ver se Aang estava bem.


-E aí Dedos-Frouxos? Pronto pra outra?-Brincou Toph.
-Pra falar a verdade, não. Zuko, você aqui?-Aang
demorou para ver o amigo.

-Quando soube do enfarte do meu tio vim quase voando
pra cá! Quer dizer que era o mais velho dos irmão? Nunca fui com a cara dele,
mesmo!

-Ah Zuko, até parece! Bem, a gente tá indo. Tchau pra
vocês. Melhoras.


Eles saíram. O resto do dia Aang passou na cama, com
um pouco de febre e tosse.


Só foi se levantar no dia seguinte, e quando desceu,
com uma ajudinha de Katara, encontrou Iroh tomando café. Se sentou de frente ao
velho amigo para conversar.


Perguntou mais sobre a profecia, pois Iroh sabia quase tudo sobre o Mundo Espiritual. Iroh lhe explicou que a reencarnação do imperador não ganharia grandes poderes nas dobras, como um Avatar, e sim poderes mentais estraordinários, que reduzem a dobra a nada. Por isso que Iroh não conseguiu lutar e Aang e Katara desmaiaram. E ele tinha poderes para
modificar ou anular até as dobras mais poderosas, por isso Toph sentiu que ele
falava a verdade.


-Mas então... como eu venço ele?-Aang estava muito
confuso.

-O poder do Avatar não está apenas na dobra! Você é a
ponte entre os dois mundos, portanto você tem a força dos 2. Com os espíritos,
você pode aprender a usar a meditação como arma. Você pode ficar mais poderoso
que o Seck, e vencê-lo. Mas apenas com dobra será impossível.

-E como eu aprendo isso?
-Você terá que passar uns dias no Mundo Espiritual, sem interrupções, e procurar um espírito chamado Shian. É o espírito do imperador dos dragões, que a última vida de Seck atacou. Ele te ensinará a dominar essa técnica. Ele não negará a você isso! Mas cure-se antes de ir, pois gastará muita energia, e ficará dias no Estado Avatar, desmaiado.

-Sim senhor! Mas porque Seck tem tanta raiva do
irmão?


Flashback on:

Era uma noite chuvosa em um vilarejo no coração do
Reino da Terra. Pra falar a verdade, caía uma tempestade na vila.


Havia uma família simples e típica nesse vilarejo. Um
pai, um filho e uma mãe, grávida. O filho, já nascido, sempre fora próximo de
sua mãe, mais do que com seu pai, que trabalhava muito e ficava pouco em casa.


Nessa noite de tempestade, o irmão mais novo forçou para nascer. Como chovia muito, e a maternidade mais próxima era a cinco quilômetros dalí, teve de ser parto em casa.

O pai acomodou sua esposa na cama cuidadosamente e chamou a parteira que era vizinha deles. Ele e a parteira entraram correndo e foram direto para o quarto aonde a mulher gritava de dor. O trabalho de parto começou,e o homem foi expulso do quarto.

Do lado de fora, ele explicava ao filho o que acontecia alí dentro, e tentava não demostrar nervosismo.

Do lado de dentro, a mulher gritava de dor. A parteira estava tendo um trabalho difícil, pois a criança estava sentada. A mulher suava frio de tanta dor.

Três horas se passaram entre gritos, suores e unhas ruídas. Logo um choro invadiu o quarto do casal. O pai e o filho, de 6 anos entraram no quarto e viram a mãe com o bebê no colo. Havia bastante sangue, mas eles acharam que isso deveria ser normal.

Antes que o pai chegasse em sua esposa, a parteira o chamou. Mas o filho foi até a mãe e o irmão.

A parteira disse ao pai que ela havia perdido muito sangue, pois a criança estava sentada. E se ela não fosse forte, poderia morrer. Essa poderia ser a primeira e a última vez que ela amamentaria o bebê.

O pai abaixou a cabeça e uma lágrima escorreu em sua bochecha esquerda. Ele olhou ara a cama, e viu uma cena que jamais esqueceria.

O filho mais velho aproximou-se de sua mãe e ela o encarou com um sorriso aconchegante no rosto, apesar de já saber o seu destino.
Olhou fundo nos olhos do filho mais velho e disse:


-Seck, meu filho! Este é seu irmão, Hirosh! Eu quero
que você me faça uma promessa, por mim.-A voz da mulher estava fraca.

-O que você quiser mãe.
-Eu quero que você prometa que vai cuidar do seu
irmão, independente do que aconteça. E quero que vocês nunca briguem. Promete Seck?

-Ah mãe, eu...
-Promete ou não?-ele não respondeu.- Responde Seck!
-Tah, eu...- antes que ele terminasse ela deu seu
último suspiro e morreu com Hirosh nos braços.- Mãe? MÃE! ACORDA MÃE! NÃO FAZ
ISSO POR FAVOR! ACORADA MÃE, POR FAVOR!- O menino chorava e balançava o corpo
sem vida da mãe.


O pai apenas tocou no ombro do filho, ambos vermelhos
de lágrimas. Depois pegou o mais novo no colo e tirou os dois daquele quarto.
Voltou depois, deu o último beijos nos lábios da mulher que um dia tanto amara
e a cobriu com o lençol da cama.


Seck viu a cena detrás da porta, chorando silenciosamente. Aquela criança que deveria trazer alegria para a casa, matou a pessoa que ele mais amava. Um ódio subiu, como se fosse transbordar.

O pai e a mãe dos irmãos sabiam o que ele era desde que a criança completou 3 anos de idade, e os sacerdotes da região avisaram a ele. Disseram que teriam de matá-lo, mas os pais se certificaram de que não deixariam ele fazer nada. Seck descobriu sozinho, quando com o pensamento fez o berço do irmão cair.

A partir daí, aprimorou suas técnicas escondido, para
que ninguém o intercepta-se.


Ele nunca se deu bem com o irmão. Ele colocava a culpa da morte da mãe no irmão. O pai tentou explicar que não era culpa de Hirosh. Os espíritos quiseram assim, então não havia nada que eles pudessem fazer. Mas Seck não ouvia e seu ódio crescia cada vez mais.

Quando o mais novo completou 15 anos, o pai decidiu separá-los por um tempo, para ver se Seck superava. Repentinamente, Seck disse que estava com saudades de Hirosh, e o pai acreditou. Foi quando ele bateu na porta da Gaang no dia que eles iriam viajar.

Flashback off.

-O resto da história você já sabe. Por isso que ele odeia tanto o irmão.

-Mas esse ódio já devia ser proveniente do que ele é,
correto?-Aang já tirava suas próprias conclusões.

-Com certeza! Eu não havia contado nada a vocês
porque eu preferi contar antes ao Hirosh. Iria contar à vocês no dia seguinte,
mas quando cheguei lá, Seck me parou.Eu tentei lutar, mas minha dobra se tornou
inútil. Não cometam o mesmo erro. Ele só te deixou impossibilitado por um
tempo, mas ele poderia te matar!-Iroh concretizou.


-Eu sei Iroh. Muito obrigado pela ajuda. Eu acho que
vou subir, tenho que me preparar.-Ele olhou para Katara e esta apenas abaixou a
cabeça. Sabia que ele poderia morrer no Estado Avatar e isso significa fim do
ciclo. Sem fala no medo de perder Aang.


Aang terminou o café e foi descançar. Em dois dias
iria ao Mundo Espiritual.



Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://supernaturaldestinys.forumeiros.com
Ana Flavia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 762
Idade : 20
Karma Karma : 6
Moedas de Ouro 278
Data de inscrição : 05/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Ar
Nação Atual: Nômades do Ar
Arma: Bastão

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Dom 16 Ago 2009, 4:50 pm

OMG primeira a comenta de novo ¬¬
adoro esse cap
tah xengando perto de onde vc paro
já Giulia tah fikando com raiva de mim pq eu sempre comento antes dela
CONTINUA!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
G
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Capricórnio Rato
Número de Mensagens : 731
Idade : 19
Karma Karma : 7
Moedas de Ouro 16278
Data de inscrição : 27/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Chefe da Tribo da Água do Norte
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Dom 16 Ago 2009, 7:35 pm

Vocês que são irmãs que se entendam. huasush
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://supernaturaldestinys.forumeiros.com
Cami WaterBender
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Câncer Tigre
Número de Mensagens : 5979
Idade : 18
Karma Karma : 31
Moedas de Ouro 41192
Data de inscrição : 18/04/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Água
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Seg 17 Ago 2009, 1:31 pm

ta chegando, ta chegando!
*roe as unhas*
*zoa*

n roo unhas!

é mesmo, se entendam!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.pokemons2.forumeiros.com
Giulia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 662
Idade : 20
Karma Karma : 3
Moedas de Ouro 205
Data de inscrição : 30/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão:
Nação Atual:
Arma:

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Seg 17 Ago 2009, 4:11 pm

vcs duas são filhas unicas?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
G
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Capricórnio Rato
Número de Mensagens : 731
Idade : 19
Karma Karma : 7
Moedas de Ouro 16278
Data de inscrição : 27/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Chefe da Tribo da Água do Norte
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Seg 17 Ago 2009, 4:45 pm

Eu sou. E não gostaria de outra forma.
Vou postar o capítulo ok?

---



Capítulo 14: Preocupação

Seck estava longe dalí. Longe o suficiente para que
não o achassem tão fácil. Porém não se sentia seguro de andar calamamente, e
cansado demais para correr. Apenas uma caminhada rápida.

Já imaginava ser o inimigo número um das três nações.
Sua foto já deveria estar nos quadros de aviso nos quatro cantos do mundo. Sua
cabeça já deveria estar a prêmio, portanto o melhor a se fazer era sumir do
mapa. Um disfarçe talvez. O importante era sumir da vista do Avatar. Também, se
não fingisse tão mal, ficaria mais fácil. Nunca fingiu bem ser o que era.
Quando criança não tinha amigos, porque quebrava os carrinhos dos meninos, e
arrancava a cabeça das bonecas das meninas. Se acostumou desde criança a ser
chamado de monstro. Desistiu de ficar bravo depois de um tempo.


Caminhou mais duas horas até parar debaixo de uma
árvore. Por mais que sua resistência fosse inigualável, uma hora cansava.
Inigualável mesmo, porque ele caminhou durante dois dias direto.


Sob aquela sombra agradável, em uma brisa fresca, ele
viajou em suas lembranças. Chegou ao fundo de sua mente, na sua infância. Antes
de Hirosh, antes de saber o que era.


Lembrava das brincadeiras com sua mãe, das histórias
de seu pai, e das conversas durante o jantar. Enfim, ele já fora feliz um dia.
Essas lembranças trouxeram uma pequena lágrima aos olhos, mas ele não as deixou
escorrer. Não havia tempo para lembranças, só para planejar.

---

Toph estava na varanda da casa aonde viviam, pensando
nos últimos acontecimentos. Estava preocupada com o que poderia acontecer dalí
pra frente. O treinamento espiritual de Aang era realmente perigoso. Mas não
havia outro jeito.


Seus pensamentos foram cortados por passos bem
conhecidos por ela. Sokka.


-Você parece preocupada, está tudo bem?-Perguntou
ele.

-Mais ou menos. O que você achou do Aang passar mais
de um dia no Estado Avatar?

-É perigoso.-Ele fez uma pausa.- Mas ele tira essa de
letra! Ele já passou por coisa pior, supera essa.

-Sei lá, me passou uma mal pressentimento...
-Pensei que só a Katara tinha esses pressentimentos
ruins. E o pior é que ela sempre acerta.

-Espero não ter a boca maldita dela!-Brincou Toph.
-E se tiver, tem eu, você e a Katara para proteger o
Aang nesses dias. Não há imperador do mal que vença.

-Bem... eu e a Katara conseguimos dar um jeito. Mas o
complicado é que temos que defender o Aang e você! Aí fica difícil!- Disse ela
rindo.

-É, o que seria de mim sem vocês!-Disse ele pegando
na mão dela.

-É melhor a gente entrar , para ver se a Katara
precisa de alguma...


Antes que ela se afastasse, ele a segurou e a beijou.
Ela retribuiu e os dois ficaram assim um tempo. Até que ela “acordou” e se
afastou.


-Você não devia fazer isso.-Disse ela.
-Por que não?-Ele voltou a se aproximar.
-Sokka, não faz isso.-Ela deu um passo para trás.
-Por que não?-Ele insistiu.-Se odiasse tanto não
tinha retribuido.

-Eu não odiei, não foi isso... é que é melhor
esperarmos. Estamos entrando em guerra, então...

-Entendi. Tudo bem, então vamos esquecer isso.-Ele
não concordava muito, mas se deu por vencido. Por enquanto.


Ela entrou e ele ficou do lado de fora, pensando.
---
Katara estava na casa de chá de Iroh, na sacada. Planejava passo-a-passo o que fazer enquanto Aang estivesse no Estado Avatar. A divisão de quem ficaria vigiando de noite,
como se defender em caso de ataque, como se esconder se Seck estiver junto,
tudo. Imaginava todas as hipóteses.


-Deixa eu ver se eu adivinho. Pensando no que vai
fazer enquanto eu treino?-Aang cortou os pensamentos dela e ela levou um
pequeno susto.

-Como você sabe?-Ela achou engraçado ele saber o que
ela pensava.-Não sabia que ler mentes estava entre os atributos de um Avatar!

-E não está! Mas eu te conheço. Você está agindo exatamente como quando estávamos lutando contra a Nação do Fogo!-Disse ele rindo e parando ao lado dela.
-Só estou planejando as coisas.
-Vocês estão se preocupando demais com o que vai
acontecer comigo. São só uns dias!

-Mas são só uns dias em que você não vai ter a menor noção do que está acontecendo com o seu corpo. Se você morrer, as consequências...
-Eu sei das consequências! Mas não tem outro jeito.Eu tenho que fazer isso.
-Eu sei... mas é que... você já morreu uma vez, eu tenho medo de não dar a mesma sorte na segunda.-Ela abaixou a cabeça.-Nós somos totalmente impotentes perto do Seck, vamos perder se ele vier!
-Isso não vai acontecer! Se pensar assim é pior.-Ele
passava as mãos entre os cabelos da namorada.-Ele fugiu por algum motivo, e não
vai aparcer tão cedo. Nada vai acontecer. Confie em mim!

-Como você pode ter tanta certeza de que tudo vai dar
certo? Alguma coisa dos Nômades?

-Não, coisas do Aang. Se eu for me preocupar com tudo
acabo ficando doente. Aprendi isso depois de um tempo. Relaxa.

-Tá, eu vou tentar. Quando você vai?
-Amanhã de manhã! Ainda tenho uma noite antes. Quer
dar um passeio pela cidade?

-É, vamos. To precisando relaxar mesmo!

---
Seck depois de descançar um pouco voltou a correr.
Chegou finalmente à Passagem da Serpente. Óbvio que não poderia ir de balsa.
Teria de ir à pé, pelo perigoso caminho.

Ele entrou na trilha correndo, mas logo teve de tomar
cuidado pela estreita passagem. Andava com cuidado, até porque sua dobra não
era o que iria salvá-lo. Era péssima. E ele não estava com a menor vontade de
usar seu real poder, para não chamar a atenção. Só em caso de necessidade.


Depois de andar o dia todo em uma caminhada intensa,
ele chegou em um ponto, que para outro simples dobrador sozinho seria
impossível passar. Claro que dobrando não dava, ia ser bem mais difícil. Era a
parte alagada da passagem. Só ficava alagada naquela parte, e para azar dele,
era essa época.


Juntou suas mão em frente ao peito e fechou os olhos.
A água tornou-se uma sólida rocha e resistente,
abrindo passagem.


Quando estava mais ou menos a meio do caminho, a
serpende apareceu para atacá-lo. Porém, ele apenas abriu a mão em direção à
ela, e ela abaixou a cabeça, como se fosse uma reverência e foi embora.


Seck continuou andando rápidamente e chegou ao fim.
Dalí para frente teria de pensar exatamente aonde iria se esconder.


Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://supernaturaldestinys.forumeiros.com
Giulia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 662
Idade : 20
Karma Karma : 3
Moedas de Ouro 205
Data de inscrição : 30/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão:
Nação Atual:
Arma:

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Seg 17 Ago 2009, 5:08 pm

AHHHHHHHHHHHHH!
finamente eu so a primeira a posta!!!!!!!
eu to tao feliz!!!
agora falando do cap:
AHHHHHHHHHHHHH!
cap perfect!
teve o momentito fofo!!*da um gritinho*
e ta chegando no MA!!
G ja q vc é filha unica vc ñ sabe como é ruin ter uma irmã
tem hora q é legal ter irmã
mas depois..
vc tem q dividir o pc.. a herança Evil or Very Mad
ah i continua!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Ana Flavia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 762
Idade : 20
Karma Karma : 6
Moedas de Ouro 278
Data de inscrição : 05/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Ar
Nação Atual: Nômades do Ar
Arma: Bastão

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Seg 17 Ago 2009, 5:37 pm

adorei a cena Tokka
na verdade adorei o cap inteiro
Citação :
a herança
interessera
mas mudando de assunto
eu axo q só falta um cap dai o resto vai ser inédito
CONTINUA!!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Cami WaterBender
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Câncer Tigre
Número de Mensagens : 5979
Idade : 18
Karma Karma : 31
Moedas de Ouro 41192
Data de inscrição : 18/04/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Água
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Seg 17 Ago 2009, 5:57 pm

arg!

eu so filha unica e agradeço por isso, mas tenho irma de consideração e sei que é ruim! Evil or Very Mad

a herança vai ser minha porque EU so a unica de sangue!
MWAHAHAHAHA!
se derem pra ela eu vo ter um troço e vo virar uma... coisa!
vo ficar p*** Evil or Very Mad
não fale, não fale!
ufs, não falei!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.pokemons2.forumeiros.com
Ana Flavia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 762
Idade : 20
Karma Karma : 6
Moedas de Ouro 278
Data de inscrição : 05/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Ar
Nação Atual: Nômades do Ar
Arma: Bastão

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Seg 17 Ago 2009, 6:30 pm

Citação :
a herança vai ser minha porque EU so a unica de sangue!
MWAHAHAHAHA!
se derem pra ela eu vo ter um troço e vo virar uma... coisa!
vo ficar p*** Evil or Very Mad
não fale, não fale!
ufs, não falei!
ri monte
e tbm se a Giulia pensa q vai ter toda herançara tah mto enganada
vai te q passar por cima do meu cadaver
eu sou a mais velha
eu é q sou obrigada a fala a tabuada do dois inteira pra vc e vc naum vai me nada
se eu naum ganha a herança vc vai apanha
agora chega de ameaça
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Giulia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 662
Idade : 20
Karma Karma : 3
Moedas de Ouro 205
Data de inscrição : 30/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão:
Nação Atual:
Arma:

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Seg 17 Ago 2009, 7:11 pm

ah to morendo de medo
E EU SEI A TABUADA DO 2!!!!
mais abafa o caso!
eai G vai posta amanha né?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
G
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Capricórnio Rato
Número de Mensagens : 731
Idade : 19
Karma Karma : 7
Moedas de Ouro 16278
Data de inscrição : 27/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Chefe da Tribo da Água do Norte
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Seg 17 Ago 2009, 7:55 pm

"eu so filha unica e agradeço por isso, mas tenho irma de consideração e sei que é ruim! Evil or Very Mad

a herança vai ser minha porque EU so a unica de sangue!
MWAHAHAHAHA!
se derem pra ela eu vo ter um troço e vo virar uma... coisa!
vo ficar p*** Evil or Very Mad
não fale, não fale!
ufs, não falei!"

ri monte [2]

Tá bom, eu sou obrigada a fazer multiplicação com 5 números! Sim, é uma droga. Pior que isso só calcular a décima potência de 45.Ou uma equação cascuda. A tabuada de 2 não é nada. Aproveitem enquanto estão na tabuada.

Bem, herança não é problema pra mim, eu sou neta única dos dois lados, sobrinha única e filha única. Traduzindo, sou só eu! E sim, isso é ótimo! Sem irmão, sem primo. Tenho um pc só pra mim, um PS2 só pra mim...

E sim, capítulo amanhã e depois INÈDITO!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://supernaturaldestinys.forumeiros.com
Ana Flavia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 762
Idade : 20
Karma Karma : 6
Moedas de Ouro 278
Data de inscrição : 05/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Ar
Nação Atual: Nômades do Ar
Arma: Bastão

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Ter 18 Ago 2009, 1:11 pm

ehh
eu faltei hj da escola por causa da minha prima
droga amanhã vou ter q ir depois
ai q tristeza
ker dizer ai q felicidade
ehh vai ter outro cap e depois vai ser inédito
ai q emoção
*esperando o cap*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
G
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Capricórnio Rato
Número de Mensagens : 731
Idade : 19
Karma Karma : 7
Moedas de Ouro 16278
Data de inscrição : 27/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Chefe da Tribo da Água do Norte
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Qua 19 Ago 2009, 7:27 pm

Gente, desculpe não ter postado nada antes, mas a net aqui aonde eu moro tem TPM, e às vezes ela não entra. ¬¬'
Não briguem comigo, briguem com o provedor.
Well, vamos ao último capítulo repetido.

---
Capítulo 15: Capangas


Enfim chegou o dia que Aang teria de viajar para o Mundo Espiritual. Não havia mais o que enrolar, Seck se tornava poderoso.

Tomou o café da manhã, bem reforçado para ter energias e se dirigiu ao quarto. Lá seria mais seguro que do lado de fora da casa, apesar dele não querer ocupar a cama,e , consequentemente, deixar Katara sem lugar para dormir. O sofá da sala não era um lugar bom de se passar a noite.

O grupo todo se dirigiu ao quarto. Lá ele sentou na cama e se despediu do resto antes.

-Gente, durente uns dias as coisas estão por conta de
vocês! Se acontecer algum ataque, se escondam.

-Ralaxa Dedos-Frouxos! São só alguns dias, a gente dá
conta disso!-Brincou Toph tentando relaxar o amigo.

-Você vai ficar quanto tempo lá?-A voz de Katara
continha preocupação e medo.

-Não sei exatamente. Talvez cinco dias. O mais...ou
menos. Não sei direito!

-Bem cunhadinho, boa sorte! Aprende aquelas mágicas
todas!- Disse Sokka.

-Não é mágica Sokka, é meditação!-Respondeu Aang.
-Que seja!
-
Você não muda né Sokka?-Disse Katara, e depois continuou falando para Aang com o antigo
tom de preocupação.- Toma cuidado!

Aang apenas fez sinal de sim com a cabeça, virou-se e começou a meditar. Mas antes pediu que quando entrasse no Estado Avatar, que o deitassem.

Respirou fundo e começou a meditar. Passado alguns minutos, entrou em Estado Avatar.

Katara deitou o corpo do Avatar cuidadosamente na cama, sendo cautelosa para não fazer nenhum movimento brusco com o corpo.
---
Aang estava ao lado de uma baia enorme, e o solo era uma
rocha dura. Dava pra dobrar os quatro elementos naquela área sem nenhum
empedimento, pois estavam em abudância.Pena estar em um local em que dobra era uma coisa inexistente.Olhou ao redor.
Perto de uma montanha que tinha perto dalí, quase colado na água havia uma
caverna. De alguma forma ele sabia que tinha de entrar lá.


A caverna não era escura, mas também não era clara. Era
clara o sufuciente para se enchergar aonde pisava. Ele andava pela caverna
chamado o espírito.


-Tem alguém aí? Shian! Espírito Shian!-Ninguém respondia.- Por favor, preciso
de sua ajuda. É para derrotar um antigo inimigo seu!


Só depois de dizer isso que alguém se pronunciou.

-Quem é você?-Falou alguém das sobras da caverna.
-Eu sou o Avatar Aang! Preciso de sua ajuda! Um antigo
inimigo seu voltou ao meu mundo! Atualmente se chama Seck!

-Ele não se chama Seck! – Disse a imagem que começava a
aparecer na frente de Aang. Era um dragão grande e com uma forte aparência.-
Você parece saber bem pouco sobre ele!

-Esse é um dos motivos para minha vinda!-Disse o Avatar
fazendo reverência.

-Qual o outro?
-Preciso que você e ensine os poderes que ele sabe! Só
assim vou conseguir vencê-lo!

-Eu sei. E eu irei te ajudar. Esse mundo já foi meu também, antes dos humanos destruírem nossa raça. Mas não sou como vocês! Irei ajudar pelo bem do planeta!
-Senhor, as coisas mudaram agora! A caça à vocês foi instinta! Estamos tentando nos readmitir!-Aang meio que pedia desculpas.
-Esse é um dos motivos que me leva à salvá-los! Mas saiba
que isso demorará dias! E você está indefeso no seu mundo!-Advertiu Shian.

-Eu sei. Tenho amigos tomando conta de meu corpo.
-Se você se sente seguro...- Disse o espírito em um tom
irônico.

-Como assim?-Aang não entendeu a ironia.
-Nada não... esquece, vamos ao trabalho. Quanto menos
tempo ficar aqui, melhor pra você.


---

Na sala estavam Sokka, Toph e Katara conversando. Era fim de uma tarde sem uma nuvem no céu. Estava um pôr-do-sol muito bonito. Mas a apreenção do grupo não os deixou prestar muita atenção aos detalhes do fim de tarde.

-O que será que ele tá fazendo lá no Mundo Espiritual?-Perguntou Katara.
-Ah, deve ser o mesmo de sempre. Ele vi lá, bate um papo com os espíritos e volta fortão!
Normal!-Respondeu Sokka tranquilo.

-Vocês estão tão calmos...
-Você que está nervosa demais Katara! Toda hora ele tem que ir lá, não sei o porque do
nervosismo.-Disse Toph.

-A última vez foi apenas algumas horas! Ele nunca ficou mais de um dia no Mundo
Espiritual!-Katara era a única nervosa com isso. O resto estava mais preocupado
com um possível ataque.

-Katara, ele é o Avatar, ele TEM que fazer isso! É o dever dele!-Falou Sokka.
-Eu sei Sokka!Mas...-Ela foi cortada por um barulho de vidro quebrando.
-É do quarto de vocês!-DisseToph antes de se levantar e correr para o quarto, seguida pelos
outros dois.


Ao chegar no quarto, haviam duas pessoas com roupas negras em encapusadas. Uma estava com uma faca na mão, e já apontava para perfurar o peito de Aang. Katara, antes
mesmo que Toph ou Sokka pensassem em reagir, tirou água do ar e derrubou
aqueles dois indivíduos. Toph os prendeu pela mão no chão. Sokka tirou o capus
do rosto dos dois homens. Não conheciam nenhum dos dois.


-Quem são vocês?-Perguntou Sokka com a espada no escoço de um deles.
-Somos os escolhidos pelo imperador para destruir o Avatar!-Disse o que aparentava
ser mais novo.
-Quem é o imperador?-Perguntou Toph já sabendo a resposta.
-Como assim quem? É o grande Seck, verdaediro imperador e dono de cada grão de areia do
deserto, de cada gota d’água dos oceanos.-Disso o outro.

-E o que foi que ele contou à vocês?-Indagou Sokka em um tom agressivo.
-A verdade! Ele nos contou tudo sobre quem realmente é o Avatar! Vocês são uma farça!
-Olha o que você fala seu...-Katara já ia acertá-lo com um chicote d’água. Mas Toph não
deixou.

-Katara, vai ver se o Aang tá machucado e a gente cuida disso!-Katara foi fazer isso antes que matasse um alí.- Vocês sabem aonde está o irmão dele?
-Sabemos. Ele já deve estar morto, então nós vamos falar! Ele está no bosque central, preso
no chão. Ele inclusive pediu para avisarmos caso fossemos pegos, já deve estar morto mesmo!-Disse o mais velho.
-Vocês vão nos levar até o lugar! Depois os dois vão prestar contas com o Rei da Terra!-Disse Sokka pegando um pelo braço, e Toph fez algemas de pedra nos dois.-Katara, você fica por aqui?
-Claro! Vão logo, e tomem cuiado com esses dois trastes.

Sokka e Toph saíram carregando os dois seguidores de Seck, esperando encontrar Hirosh, e principalmete, o lugar aonde Seck se encontra.
---

Aang e Shian estavam na beira da
baia. Shian passava um pouco da “teoria” antes de ensinar exatamente o poder
que Seck possuía. Aang imaginava o quanto o mundo devia ser encrível na época
que os dragões tinham um reino, e quando a humanidade era uma coisa só. Ele via
tudo através dos olhos daquele velho dragão.


-Aang, é importante que você saiba que os poderes mentais que irá possuir não são como uma dobra de elementos. Uma dobra você simplesmente controla um elemento determinado. Com esses poderes, você controlará qualquer ser, objeto, ou pessoa existente. As
dobras se tornarão inúteis perante você! Mas é importante saber que você só
pode usá-lo em escala máxima poucas vezes, ou viciará no controle. Claro, pode
usar para coisas simples como mudar uma nuvem de posição, ou qualquer coisa do
tipo. Nada que possa mudar realmente as coisas.Se usado muito,você se torna
impulsivo e vingativo, além de renegar todos os seus princípios pelo simples
prazer de controlar o mundo!

-Não vou fazer isso! Sei bem até quando posso ir, mesmo com as dobras!
-Assim espero.-Ele continuava se mostrando frio.- Para controlar, você tem que estar em total equilibrio espiritual, e seus chackras devem estar totalmente desbloqueados. Nada pode
pertubá-lo, nem prender seus pensamentos. Você ficará meditando aí um bom
tempo, até livrar-se de tudo. Ah, e sozinho, porque esse poder é de méritos
próprios, e não é controlado com ajuda.

Shian saiu e adentrou a caverna, deixando Aang livrar-se de tudo que o afligia. O Avatar olhou para a bela paisagem que havia naquela área do Mundo Espiritual, respirou fundo, e meditou.

"Se livrar de tudo que me aflinge? Da última vez que eu tentei me livrar de algo, não deu certo!"
---
-Aonde está ele?- Perguntou Sokka aos capangas de Seck.
-Não sabemos exatamente, só sabemos que está enterrado em algum canto aí!-Disse o mais novo em um tom ignorante.
-Olha aqui, é bom vocês descobrirem aonde está, ou eu...
-Não precisa disso Sokka!-Disse Toph cortando a ameaça do rapaz.- Eu sinto batimentos cardíacos, bem fracos, quase inexistentes vindo de baixo da terra.-Ela estava com a mão no chão.

Toph andou até aonde era mais ou menos o centro do bosque, e com um simples golpe, girou a terra, deixando o corpo de Hirosh livre denovo.

O rapaz estava palido, com a pele e os lábios desidratados e os olhos fundos. Sua respiração era fraca, assim como seus batimentos cardíacos. Seus olhos fecharam ao encontrar a luz do Sol.
Sua primeira ação foi tentar falar, mas só conseguiu tossir, mesmo assim uma
tosse fraca.


Como os inimigos estavam presos no chão por pedras, Sokka teve a liberdade de ir até o corpo quase sem vida e ajudar Toph a salvá-lo.

Sokka o segurou no colo e o virou para cima. Ele parecia estar tonto, mas sua respiração estava mais acelerada.
Toph pôs a mão a cabeça do rapaz e detectou febre alta. Também, haviam ematomas
pelo corpo, provavelmente das vezes que ele se rebateu debaixo da terra.

---

Katara estava no quarto, já havia revistado Aang, e nada havia acontecido, talvez por pura sorte, talvez por descuido dos homens de Seck. Mas temia que essa falta de ferimentos não durasse tanto tempo. Ela olhava pela janela, via o fim de tarde que chegava ao fim, e
olhava Aang deitado, no Estado Avatar. Parecia que ele nunca sairia disso. Não
fazia um movimento sequer, o máximo de alteração era na respiração, que variava
às vezes. Mas sempre se mantinha calma. Pelo menos havia sido assim o primeiro
dia. Passou então um aperto pelo coração de Katara. Ela sentiu que algo daria
errado, era um daquele maus pressentimentos dela. Mas era a respeito dela, e
não de Aang ou os outros. Mas deixou esses pensamentos irem embora, não dava
para adicionar uma preocupação.



Continua...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://supernaturaldestinys.forumeiros.com
Ana Flavia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 762
Idade : 20
Karma Karma : 6
Moedas de Ouro 278
Data de inscrição : 05/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Ar
Nação Atual: Nômades do Ar
Arma: Bastão

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Qui 20 Ago 2009, 1:21 pm

Citação :
Ela sentiu que algo daria
errado, era um daquele maus pressentimentos dela. Mas era a respeito dela, e
não de Aang ou os outros.
OMG vc vai matar a Katara?
vc vai jogar ela de um penhasco??
*zoa*
eba esse é o último repitido
ehh
o proximo é novo!!!
CONTINUA LOGO EU NAUM TO AGUENTANDO FIKA SEM SABE O Q Q VAI ACONTECER!!

ó q xike..primeira a comenta..
viu Giulia eu comentei primeiro q vc Twisted Evil
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Giulia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 662
Idade : 20
Karma Karma : 3
Moedas de Ouro 205
Data de inscrição : 30/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão:
Nação Atual:
Arma:

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Qui 20 Ago 2009, 5:19 pm

a katara e seus presentimentos ruins isso ja é tipico!
magnifiko o cap!
finalmente chego aonde paro!!Very Happy
continua
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
G
Habitante da Tribo da Água
Habitante da Tribo da Água


Sexo : Feminino
Capricórnio Rato
Número de Mensagens : 731
Idade : 19
Karma Karma : 7
Moedas de Ouro 16278
Data de inscrição : 27/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Chefe da Tribo da Água do Norte
Nação Atual: Tribo da Água
Arma: Espada longa

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Qui 20 Ago 2009, 8:35 pm

Vocês não fazem nem idéia do que vai acontecer com a Katara. Muahahahahahahahaha.
Tah, parei. Mais alguns comentários e eu posto.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://supernaturaldestinys.forumeiros.com
Ana Flavia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 762
Idade : 20
Karma Karma : 6
Moedas de Ouro 278
Data de inscrição : 05/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão: Dobradora de Ar
Nação Atual: Nômades do Ar
Arma: Bastão

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Sex 21 Ago 2009, 12:48 pm

Citação :
Muahahahahahahahaha
odeio quando vc da essa risada malígna me da medo
G eu sei q vc já sabe mais vc é mto dumal
gosta de faze os outros sofrerem
*esperando o cap com mto medo*
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Giulia
Novato
Novato


Sexo : Feminino
Libra Rato
Número de Mensagens : 662
Idade : 20
Karma Karma : 3
Moedas de Ouro 205
Data de inscrição : 30/07/2009

Ficha Do Dobrador
Profissão:
Nação Atual:
Arma:

MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Sex 21 Ago 2009, 5:05 pm

e o cap sai?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.   Hoje à(s) 8:39 am

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A Profecia. Capítulo 14 - A Solução.
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 6 de 21Ir à página : Anterior  1 ... 5, 6, 7 ... 13 ... 21  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Dádiva de Amor || Capítulo 29
» Dádiva de Amor || Capítulo 55
» Razão de Viver || Capítulo (3)
» Dádiva de Amor || Capítulo 42
» Maldito Amor capítulo 05

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
 :: :: Fan-Area :: :: Fan-Fics-
Ir para: